Introdução: Compete ao Controle de Infecção Hospitalar a implantação de rotinas de prevenção de infecções em obras e reformas hospitalares.

Objetivo: Descrever a utilização de ciclos de melhoria para a prevenção de infecção em obras e reformas hospitalares.

Método: O modelo utilizado foi a Colaborativa do IHI. A atividade ocorreu no último trimestre de 2017.

Resultados: Foram realizados dez ciclos de melhoria. O planejamento incluiu a identificação do problema e reunião com as lideranças. Cada projeto foi classificado conforme o tipo de obra e a população de risco. A execução da colaborativa ocorreu nas obras, com registro das adequações. No estudo foi mensurado o percentual das adequações sobre o esperado. A correção das inadequações foi a ação junto à gestão de projetos.

Discussão: Os hospitais devem minimizar as infecções em suas obras e reformas. O processo de melhoria contínua contribui para a segurança dos pacientes afetados.

 

Autor: Nycolas Kunzler Alcorta