O Centro de Material e Esterilização (CME) pode ser caracterizado como um sistema integrado de processos, que juntos irão atingir um objetivo em comum, o reprocessamento de produtos para saúde. A limpeza é a etapa fundamental do processamento dos produtos para saúde.

O objetivo do estudo é implantar e avaliar a eficácia do controle do recall de limpeza do CME de um hospital privado localizado em São Paulo, Brasil. O método utilizado foi o relato de experiência de implementação de ferramentas de gestão no CME para controle do recall de limpeza.

Implantado em 2013 a 2014 o uso de testes de proteína, lentes de aumento e impressos específicos de coleta de dados para verificar a limpeza após procedimento automatizado de limpeza; Após o recall de limpeza, casos de material contendo sujidade na área limpa foram discutidos e avaliados, sendo pontualmente tratados.

Como resultado identificamos que a taxa de retrabalho devido a material contendo sujidade após o processo de limpeza foi historicamente 30%; Após a oferta de formação (treinamento), esse número caiu para 10%.

Pode-se concluir que a gestão compartilhada focada na capacitação profissional e investimento em novas tecnologias resultou em melhora da qualidade do indicador do recall de limpeza.

 

Autores: FERNANDO MIGUEL DE SOUSA e THAYSE ROSA