O uso de prática recomendadas para garantir a qualidade e a segurança do paciente é um critério importante para amparar os profissionais e instituições na assistência ao paciente, e torna-se um recurso estratégico no planejamento das ações na instituições, visando estabelecer medidas para o controle de infecções relacionadas a assistência à saúde.

Com isto, o uso de pacotes de medidas, conhecidos como “bundles”, são propostas importantes e amparadas nas recomendações dos órgãos nacionais e internacionais assim como nos programas voltados a buscar melhorias e soluções para os processos assistenciais com mais qualidade e menor dano, garantindo ações mais seguras, efetivas e com medidas simples mas eficazes. Baseado nesta proposta, o trabalho enfatiza a importância do uso das práticas recomendadas como estratégia nas ações voltadas ao controle de infecção e a importância de ações que busquem disseminar a cultura institucional com propostas para a busca de adesão da equipe multiprofissional nas instituições.

 

Autoras: Eliane de Jesus Ferreira, Lilian Morais da Cruz e Eliane de Jesus Ferreira