Inscreva-se já.

Dia 02/11 a diretora do CDC, Rochelle P. Walensky endossou a recomendação do Comitê Consultivo sobre Práticas de Imunização (ACIP) do CDC para que crianças de 5 a 11 anos sejam vacinadas contra COVID-19 com a vacina pediátrica Pfizer-BioNTech. O CDC agora expande as recomendações de vacinas para cerca de 28 milhões de crianças nesta faixa etária nos Estados Unidos e permite que os provedores comecem a vaciná-las o mais rápido possível.

Os casos de COVID-19 em crianças podem resultar em hospitalizações, mortes, MIS-C (síndromes inflamatórias) e complicações de longo prazo, como “COVID longo”, em que os sintomas podem durar meses. A disseminação da variante Delta resultou em um aumento repentino de casos COVID-19 em crianças durante o verão. Durante um período de 6 semanas no final de junho a meados de agosto, as hospitalizações por COVID-19 entre crianças e adolescentes aumentaram cinco vezes. A vacinação, junto com outras medidas preventivas, pode proteger as crianças de COVID-19 usando as vacinas seguras e eficazes já recomendadas para uso em adolescentes e adultos nos Estados Unidos. Semelhante ao que foi visto em ensaios de vacinas para adultos, a vacinação foi quase 91% eficaz na prevenção de COVID-19 entre crianças de 5 a 11 anos. Nos ensaios clínicos, os efeitos colaterais da vacina foram leves, autolimitados e semelhantes aos observados em adultos e com outras vacinas recomendadas para crianças. O efeito colateral mais comum foi um braço dolorido.

https://www.cdc.gov/media/releases/2021/s1102-PediatricCOVID-19Vaccine.html

Editado por Laura Czekster Antochevis

Contatos: [email protected]  ou http://linkedin.com/in/laura-czekster-antochevis-457603104



Ficou interessado? Conheça nossos cursos MBA's e Express