Inscreva-se já.

Este trabalho tem como objetivo estudar os antimicrobianos e microrganismos relacionados as infecções do sistema nervoso central de crianças submetidas a inserção de válvula de derivação ventricular externa atendidos em um hospital de referência pediátrica do estado da Paraíba.

Trata-se de um estudo retrospectivo, documental e descritivo, com análise quantitativa dos achados. A amostra foi composta de 53 crianças internadas em um hospital infantil de referência do estado da Paraíba que tiveram a inserção de cateter de derivação ventricular externa (DVE), no período compreendido entre julho de 2009 a dezembro de 2014. Os dados foram coletados por um formulário semi-estruturado para auxiliar na busca de informações nos prontuários.

Para análise dos dados foram geradas tabelas de frequências de distribuição dos dados. Os microrganismos mais encontrados nas culturas foram Staphylococcus coagulase negativo e Pseudomonas aeruginosa. Dentre os antimicrobianos mais utilizados, destaca-se, a oxacilina, a vancomicina, a ceftriaxona, o meropenem, a cefepima e a amicacina endovenosa.

Conclui-se que as altas taxas de infecções do SNC e das outras infecções adquiridas, resultando em elevado número de óbitos de crianças que se submeteram a inserção da válvula de DVE, são resultados de um conjunto de fatos que envolvem o cuidado de uma equipe multiprofissional.

 

Autora: GILVANEIDE MARTINS FERREIRA

 



Ficou interessado? Conheça nossos cursos MBA's e Express