Inscreva-se já.

A enfermagem tem um papel fundamental na prestação de cuidados de acesso vascular e manutenção dos equipamentos de diálise. A importância da higienização das mãos e o uso de luvas durante os procedimentos de acesso vascular é bem conhecido, no entanto, há uma falta de evidências para apoiar a necessidade de implementar essas precauções padrão. Poderiam as luvas estar invisivelmente contaminadas com sangue e transmitirem patógenos como os vírus de hepatite?

Pode haver transmissão de hepatite C em unidades de hemodiálise?

Os ambientes de hemodiálise são considerados ambientes de alto risco para contaminação por patógenos transmitidos pelo sangue, incluindo o vírus da hepatite C (HCV). Muitos surtos de HCV entre pacientes em hemodiálise já foram relatados em todo o mundo, com uma estimativa de 20.000 novos casos anualmente. A baixa adesão às práticas de controle de infecção, pelos profissionais da saúde, continua a ser uma das principais causas da transmissão nosocomial de HCV em ambientes de hemodiálise.

Qual foi o objetivo do estudo?

O objetivo deste estudo foi utilizar o método de detecção de sangue oculto para avaliar se havia presença de sangue nas mãos enluvadas dos enfermeiros que realizavam cuidados nos acessos vasculares de pacientes sob tratamento de hemodiálise.

Como saber se as luvas ficam contaminadas invisivelmente com sangue?

Trata-se de uma pesquisa observacional do tipo prospectiva realizada em um centro de hemodiálise com 80 leitos, realizada de setembro de 2020 a janeiro de 2021. Este centro de hemodiálise possuí 390 pacientes cadastrados e 38 enfermeiros. No final dos cuidados com o acesso vascular, no momento do processo de conexão e desconexão, avaliou-se as mãos enluvadas dos enfermeiros por meio de uma amostragem de conveniência.

Identificar a contaminação sanguínea invisível nas luvas das enfermeiras mãos, utilizamos papel filtro ou cotonetes na detecção de sangue oculto kits (BWETM, Xangai, China). Seu princípio de detecção é baseado na característica de que a porfirina de ferro na hemoglobina tem atividade. Utiliza o substrato catalase em peróxido de hidrogênio, e na presença de hemoglobina, ocorre uma reação de descoloração.

Com este estudo foi detectada contaminação invisível nas luvas?

Durante o período de estudo, um total de 454 amostras foram coletadas de as mãos enluvadas da equipe de enfermagem. 60,13% (273/454) das amostras testaram positivo para hemoglobina, com 68,37% (134/196) positivo para hemoglobina amostras após a conexão do acesso vascular e 53,88% (139/258) amostras positivas para hemoglobina após a desconexão

Este estudo é o primeiro a usar os kits de detecção de sangue oculto para avaliar a contaminação sanguínea das mãos enluvadas dos enfermeiros durante procedimentos de acesso. Nossos resultados destacam o fato de que a baixa adesão à higienização das mãos e troca de luvas pela equipe de enfermagem pode ser em risco de transmissão de patógenos transmitidos pelo sangue.

Este achado pode ter reflexos nos surtos identificados em hemodiálise?

De 2008 a 2019, um total de 22 surtos ocorreram em hemodiálise locais, com 104 casos de HCV associados a surtos no Estados Unidos. Um achado comum das investigações de surtos foi que os pacientes recém-infectados eram frequentemente tratados nas proximidades de um paciente previamente HCV. Estudos relataram que a contaminação do sangue foi detectada no ambiente de hemodiálise. Nesse estudo, 60,1% das amostras testadas positivo para hemoglobina, indicando um risco potencial de contaminação do sangue nas mãos dos enfermeiros durante os cuidados com o acesso vascular.

Como os cateteres são descartáveis, a potencial contaminação do sangue nas mãos enluvadas durante a conexão do acesso vascular pode vir principalmente do paciente, enquanto a contaminação durante a desconexão do acesso vascular pode vir do paciente ou do cateter. Considerando alta proporção paciente-equipe e aumento da prevalência de HCV na linha de base, adesão à higienização das mãos e uso de luvas pela equipe de enfermagem são fundamentais para prevenir a transmissão do HCV em ambientes de hemodiálise.

Quais limitações e conclusões deste estudo?

Nosso estudo teve algumas limitações. Esta pesquisa prospectiva foi realizada em um único centro, e a taxa positiva de contaminação do sangue só pode refletir a situação real da unidade de hemodiálise que foi amostrado. Assim, mais estudos com mais centros são necessários.

O método descrito fornece uma maneira útil de avaliar contaminação sanguínea nas mãos de enfermeiros em ambientes de hemodiálise. Este estudo fornece evidências da importância da higiene das mãos e luvas alteração durante os procedimentos de acesso vascular.

Adicionalmente, este estudo pode ser comprovado por outras metodologias que confirmem a participação das luvas contaminadas em surtos de infecção ou por ensaios clínicos que comprovem a eficácia da troca de luvas e higiene das mãos após realização de procedimentos que têm contato com sangue do paciente.

Fonte: Li L, Ni K, Du X, Wu S, Zhang J, Zhou H, Hu Q, Zeng H, Sui X, Meng Q, Wang X. Assessment of the invisible blood contamination on nurses’ gloved hands during vascular access procedures in a hemodialysis unit. Am J Infect Control. 2022 Jun;50(6):712-713.

Link: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0196655321008440

Links: relacionados:

Transmission of hepatitis C virus in the dialysis setting and strategies for its prevention https://doi.org/10.1111/sdi.12761

Prevalence, incidence, and risk factors for hepatitis C virus infection in hemodialysis patients https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S0085253819300304

Updated evidence on the epidemiology of hepatitis C virus in hemodialysis https://doi.org/10.3390/pathogens10091149

A large outbreak of hepatitis C virus infections in a hemodialysis clinic https://doi.org/10.1017/ice.2015.247

Principais aspectos da infecção relacionada ao acesso vascular em pacientes com insuficiência renal submetidos à hemodiálise https://www.ccih.med.br/principais-aspectos-da-infeccao-relacionada-ao-acesso-vascular-em-pacientes-com-insuficiencia-renal-submetidos-a-hemodialise/

Contaminação por vírus de hepatite e o risco ocupacional na unidade de hemodiálise https://www.ccih.med.br/contaminacao-por-virus-de-hepatite-e-o-risco-ocupacional-na-unidade-de-hemodialise/

Diálise. Vigilância epidemiológica. CVE SP https://www.ccih.med.br/dialise-vigilancia-epidemiologica-cve-sp/

O gerenciamento de risco na hemodiálise: uma avaliação para melhora na qualidade do atendimento ao paciente com doença renal crônica em terapia renal substitutiva https://www.ccih.med.br/o-gerenciamento-de-risco-na-hemodialise-uma-avaliacao-para-melhora-na-qualidade-do-atendimento-ao-paciente-com-doenca-renal-cronica-em-terapia-renal-substitutiva/

Como e por que controlar as infecções hospitalares https://www.ccih.med.br/como-e-por-que-controlar-as-infeccoes-hospitalares/

Sinopse por: Thalita Gomes do Carmo

https://www.instagram.com/profa.thalita_carmo/

TAGs / palavras chave: hemodiálise, luvas, contaminação, higiene das mãos, sangue, diálise, hepatite, HCV, hepatite C, surtos



Ficou interessado? Conheça nossos cursos MBA's e Express